TRANSFORMAÇÃO DIGITAL; Por professor Ailton Elisiário – Portal O Farol

TRANSFORMAÇÃO DIGITAL; Por professor Ailton Elisiário

A pandemia que atinge a população mundial tem causado inúmeras e impensáveis situações que serão mantidas no futuro. Até então estávamos acostumados a certos padrões de comportamento que passam a ser modificados aceleradamente. Tudo isso nos tem causado muita estresse e desajustamentos, mas a adaptabilidade humana tem se encarregado de ir determinando as adequações às novas condições.

Uma dessas novas condições é a aceleração da transformação digital. Este processo para uma vida digital que já vinha ocorrendo dentro das nossas relações de trabalho, agora está nos levando também para uma vida social virtual. As ferramentas digitais que estão a nossa disposição têm permitido que tudo isto aconteça naturalmente.

As pessoas permanecem recolhidas em suas casas e se comunicando pelas redes sociais, inclusive realizando encontros e comemorações de forma on line. Assim tem acontecido nas celebrações de aniversários e de outros eventos, nas quais as pessoas se saúdam, conversam, brincam, cantam, fazem brindes, cada uma em suas respectivas casas.

Mas, isto vai mais longe. Os consultórios médicos fecharam suas portas e as consultas médicas pelas redes já viraram rotina. Não só no segmento médico, mas também na advocacia, na engenharia, na consultoria de modo geral, inclusive na educação, quando as escolas transmitem os ensinamentos e a alfabetização até para as crianças de tenra idade.

As relações profissionais no futuro serão outras, a exemplo da utilização de robôs controlados à distância por computador ou pelo celular, que se encarregarão de executar as tarefas daqueles que pessoalmente estariam realizando. Empresas, sindicatos, associações, igrejas, entre tantas outras entidades, já realizam suas reuniões virtualmente, definindo seus processos produtivos e associativos, decidindo os problemas e executando suas políticas.

Os tribunais e as varas de direito já se acham atualmente com os processos digitalizados, realizando audiências e sessões de julgamento pela via on line. As assembleias legislativas estaduais, as câmaras municipais, os congressistas no âmbito federal, os ministérios executivos, enfim, quase todas as instituições já se entregaram ao processo virtual das deliberações.

A sociedade muda, não por decisões individuais, mas por episódios conjunturais que desafiem a sua sobrevivência ou que a tornem mais competitiva. E quando muda, muda para melhor, sempre alçando voos mais altos e mais desafiadores. Esta pandemia acelerou as mudanças que já estavam em andamento e também criou novas condições nem pensadas. Todavia, com ou sem pandemia, a humanidade sempre mudará, porque a vida é mudança, é movimento, é transformação.

Categorias: Cidades,Colunistas,Professor Ailton Elisiário