WhatsApp quer transformar mensagens de voz em texto – Portal O Farol

WhatsApp quer transformar mensagens de voz em texto

Ainda em desenvolvimento, ferramenta nativa do WhatsApp será capaz de transcrever as mensagens de voz recebidas no iPhone.

                                                              WhatsApp (Foto: Haberlernet/Flickr / Tecnoblog)

O WhatsApp está trabalhando em um recurso para facilitar o acesso aos conteúdos de mensagens de voz. Segundo o WABetaInfo nesta sexta-feira (10), o mensageiro deve ganhar uma função nativa para transcrever os áudios trocados em conversas pelo app de mensagens. Por ora, a novidade que transforma as gravações em texto deu as caras somente no aplicativo para iPhone (iOS) e ainda não está disponível aos usuários.

A ferramenta garante acesso aos conteúdos das gravações sem precisar ouví-las. O site especializado explica que, além de nativa, a função não depende dos servidores do Facebook para funcionar. Ou seja, tudo é realizado diretamente no smartphone do usuário, com o auxílio do sistema de reconhecimento de fala do celular da Apple.

O recurso funciona assim: depois que o usuário dá a permissão para o WhatsApp utilizar o reconhecimento de fala do iOS, será possível acessar um tela chamada “Transcrição” (em tradução livre). É nela que o mensageiro vai apresentar o conteúdo do áudio em forma de texto, que ficará armazenado localmente para leituras futuras. Além disso, os diálogos são separados em uma linha do tempo.

Apesar da breve aparição, ainda não se sabe quando o recurso chegará aos usuários. Também não há informações sobre a disponibilidade da função no app para Android.

WhatsApp vai ganhar backups na nuvem criptografados

O WhatsApp ainda vai liberar outra novidade aos usuários em breve. Também nesta sexta-feira (10), o mensageiro anunciou os backups criptografados de ponta a ponta para incrementar a proteção das cópias de segurança que são guardadas na nuvem. A função chegará aos aplicativos de mensagens para Android e iPhone (iOS).

A ferramenta é opcional e oferece mais segurança aos arquivos que são enviados para o Google Drive (Android) e iCloud (iPhone). O mensageiro vai criptografar os backups com uma chave única e aleatória de 64 dígitos. Dessa forma, a cópia de segurança só poderá ser acessada com a credencial ou com uma senha criada pelo próprio usuário.

O recurso estará disponível aos usuários “nas próximas semanas”.

WhatsApp trabalha em ferramenta nativa para transcrição de áudios

Por Tecnoblog

Categorias: Destaque,Entretenimento